16/05/2008 – 15h06
Chegou às 14h20 ao Superior Tribunal de Justiça um habeas-corpus com pedido de liberdade para o pai e a madrasta da garota Isabella Nardoni, morta no dia 29 de março. Os advogados Marco Polo Levorin, Ricardo Martins e Rogério Neres são os autores do pedido em favor de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, principais suspeitos da morte da menina.
O processo, muito volumoso, chegou ao Protocolo pelas mãos de um representante do escritório de advocacia Levorin Advogados Associados, que negou inicialmente ser o pedido de habeas-corpus para o casal. Indagado, porém, sobre a principal alegação do habeas-corpus, em mais uma tentativa de liberdade para o casal, ele afirmou apenas que não estão presentes no caso os pressupostos para a prisão preventiva.

O relator é o ministro Napoleão Nunes Maia Filho, da Quinta Turma.

Fonte: Coordenadoria de Editoria e Imprensa (STJ)